Sugestão TeK: 7 programas de edição de vídeo para os seus projetos caseiros

Já passaram algumas semanas após as suas férias de verão e ainda não teve “coragem” para começar a editar os vídeos captados em família? Um destes programas de edição de vídeo podem dar uma ajuda…

É um dos “destinos” mais concorridos no que diz respeito às suas fotografias e vídeos captadas durante as férias ou qualquer ocasião festiva e de lazer: o “fundo” de um disco rígido ou um cartão de memória perdido algures aí em casa…

Tudo porque organizar, editar e aprimorar cada registo de imagem que faz requer tempo, paciência e conhecimentos sobre o funcionamento dos programas que se destinam ao efeito.

E também porque, na maior parte das vezes, são os vídeos e fotos captados com o smartphone que acabam por ser “remediados” com um filtro e partilhados na hora, satisfazendo as necessidades iniciais no que diz respeito a mostrar ao mundo os melhores momentos passados em férias.

Apesar disso, é certo que há muito mais para partilhar (e mais tarde recordar) do que aquilo que grava com os equipamentos móveis, até porque a (relativamente) recente “moda” das actioncams faz com que haja hoje muitos mais vídeos em alta resolução na sua coleção do que seria de esperar há uns anos.

Mais do que isso, é igualmente interessante constatar que praticamente todas as câmaras digitais do momento sejam capazes de filmar em Full HD, desde as agora pouco comuns compactas até às reflex, passando pelos modelos de objetivas intermutáveis, por exemplo. Basicamente, o que não falta em sua casa e no seu kit de férias são equipamentos capazes de filmar em alta resolução, certo?

E é destinado precisamente a esses vídeos em Full HD ou até 4k, aqueles que na maior parte das vezes tendem a ficar “perdidos” alguras no seu computador, que várias marcas continuam a apostar na criação de software de edição de vídeo. E não estamos a falar de apps móveis para smartphone ou tablet, visto que também neste campo existem várias soluções.

Estamos sim a falar de programas para Windows ou Mac (também existem opções para Linux…), alguns deles gratuitos, que se destinam aos utilizadores principiantes na área da edição de vídeos “caseiros”. As soluções mais pró, geralmente, acarretam um investimento muito mais elevado, ao mesmo tempo que garantem funcionalidades e recursos mais vastos.

Atenção aos requisitos…

Antes de passarmos à sugestões de software propriamente ditas, há um ponto vital a ressalvar: as características que o seu computador tem de ter para ser capaz de “lidar” de forma eficaz com os vídeos que capta.

Visto que estamos a falar de resoluções Full HD ou 4k, certamente terá de contar com um computador bem equipado ao nível de processador e memória RAM, principalmente. Também a placa gráfica terá de ser um pouco mais “poderosa” do que acontece com a maioria dos portáteis para utilização normal, por exemplo, tal como o disco rígido terá de garantir bastantes GB para armazenamento, tanto dos vídeos em “bruto” como do resultado final das suas edições e montagens.

Dando o exemplo do Adobe Premiere Elements 15, um programa bastante conhecido nestas “andanças”: para correr e utilizar este software vai precisar de ter um computador equipado com processador de dois núcleos e a 2 GHz, pelo menos. Precisa ainda de 4 GB de memória RAM, 15 GB de espaço em disco (apenas para instalar o programa e respetivos recursos extra) e um ecrã com no mínimo 1.024 x 768 pixéis de resolução.

No entanto, será sempre preciso um bocadinho mais para que a máquina não sinta dificuldades a editar e renderizar vídeos em Full HD e 4k. Talvez, neste caso, a configuração recomendada passasse por 8 GB de memória RAM e um processador Core i7, entre outros recursos.

Mas conheça abaixo sete programas do género que pode experimentar antes de começar a editar os seus vídeos, sendo que praticamente metade deles disponibilizam uma versão gratuita. Pode também espreitar soluções com o VEGAS Pro 14 Edit, um pouco mais dirigido a profissionais, o famoso Final Cut Pro para Mac e a opção gratuita Cinelerra.

Fonte do Artigo

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: