Salvemos as abelhas com a ajuda da Comissão Europeia… e com um milhão de apoiantes

Um grupo de cidadãos está a pedir à Comissão Europeia que crie legislação para manter e melhorar os habitats dos insetos na Europa. Mas, para Bruxelas “pensar no assunto”, é preciso um milhão de assinaturas.

Pixnio

A ideia foi aceite pela Comissão Europeia (CE) e vai estar disponível no site oficial das iniciativas de cidadania europeia a partir de 27 de maio, pelo período de um ano.

Se, nesse período, a iniciativa receber um milhão de declarações de apoio provenientes de, pelo menos, sete Estados-membros diferentes, a Comissão terá um prazo de três meses para se pronunciar sobre a mesma, podendo decidir dar ou não seguimento ao pedido.

A iniciativa de cidadania europeia “Salvemos as abelhas! Proteção da biodiversidade e melhoria dos habitats dos insetos na Europa” quer que a CE legisle com vários objetivos, como tornar a promoção da biodiversidade um objetivo geral da política agrícola comum e reduzir drasticamente a utilização de pesticidas, proibindo os pesticidas nocivos sem exceções e reformando os critérios de elegibilidade.

Também apela à criação de legislação que promova a diversidade estrutural das paisagens agrícolas, reduza eficazmente os fertilizantes, estabeleça eficazmente zonas protegidas, intensifique a investigação e o acompanhamento e melhore a educação.

A iniciativa vai estar disponível online para ser apoiada a partir de 27 de maio próximo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email. Subscrever Já subscrevi

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.

Ler Artigo Original
Fonte: SAPO Tek

Share

Também pode gostar de...

%d bloggers like this: