Portugal recupera velocidade no acesso à internet mas volta a perder “terreno”

A velocidade de acesso até subiu nos megabits por segundo, mas Portugal tem descido de posição face aos outros países, embora continue bem posicionado.

As conclusões são tiradas do mais recente relatório da Akamai, relativo aos três primeiros meses de 2017, que coloca Portugal no 36º lugar da tabela mundial.

Segundo o State of the Internet Report, entre janeiro e março último a velocidade média de acesso foi de 12,6 Mbps, 2,5% acima do valor registado no trimestre anterior, quando ocupava a 30ª posição no ranking mundial, mas 1,9% abaixo do conseguido um ano antes.

A maior velocidade registada foi de 66,9 Mbps, melhor do que os 54,7 Mbps observados entre outubro e dezembro de 2016.

Sobre o mundo inteiro, o relatório da Akamai revela que a velocidade média de acesso à internet foi de 7,2 Mbps, o que representa um crescimento de 15% face a igual período do ano passado.

Continuar a ler

A Coreia do Sul continua a ter a internet mais rápida do mundo, com as velocidades a rondarem em média os 28,6 Mbps. A Europa toma conta dos restantes lugares do pódio, com a Noruega a 23,5 Mbps e a Suécia a 22,5 Mbps. No top 5 seguem-se Hong Kong (21,9 Mbps) e Suíça (21,7 Mbps).

Já na banda larga móvel lidera o Reino Unido com uma velocidade média de 26Mbps. Em segundo lugar está a Alemanha, com 24,1Mbps, e em terceiro surge a Finlândia, com 21,6Mbps. Portugal surge bem abaixo, com uma velocidade média de 6,9Mbps.

Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: