O Windows 10 não conseguiu ultrapassar o Windows 7 em 2017

Desde que lançou o Windows 10 que o objetivo da Microsoft é torná-lo o sistema operativo mais usado. As suas metas eram bem definidas, mas o tempo provou que não seriam assim tão simples de cumprir.

Os mais recentes números mostram agora que ainda não foi em 2017 que o Windows 10 passou o seu antecessor, mas que estará para breve este objetivo.

Ao longo dos anos recentes, a Microsoft tem procurado que o Windows 10 ocupe a posição de destaque que merece e que vai um um dia conseguir. Para isso precisa apenas de bater o Windows 7, aquele que é considerado por muitos o melhor sistema operativo da Microsoft.

Os números do Windows 10 na NetMarketShare

Os números da NetMarketShare mostram que em novembro o Windows 10 tinha 31,95%, tendo nesse mês seguindo crescido 0,98 pontos percentuais, atingindo os 32,93%. Por seu lado, o Windows 7 não mudou muito no mesmo período, tendo perdido apenas 0,04 pontos percentuais, estando nos 43,08%.

Com estes valores, a diferença entre os dois maiores sistemas operativos da Microsoft é de 10,15%, com a balança a pender para o lado do Windows 7.

Windows 10 NetMarketShare

O Windows 8.1 tem agora 5,71%, tendo descido dos 5,97% do mês anterior. O bem conhecido Windows XP continua de pedra e cal, tendo perdido apenas 0,55 pontos percentuais, estando agora nos 5,18%.

Os números do Windows 10 na StatCounter

Os dados da StatCounter são ligeiramente diferentes, mas mostram uma realidade muito idêntica. O Windows 10 ainda não passou o Windows 7, mas está muito perto de o conseguir.

A diferença entre os dois sistemas é muito pequena. No último mês de 2017 o Windows 10 cresceu 0,33 pontos percentuais, o que lhe atribui uma quota de 41,69%.

Windows 10 StatCounter

No mesmo mês, o Windows 7 perdeu 0,62 pontos percentuais, colocando este SO nos 41,89%. Com estes valores espera-se que seja já no próximo mês que mudança se concretize no topo desta lista.

Os restante sistemas conseguiram manter os seus valores de quota. O Windows 8.1 está nos 9,16%, crescendo 0,13 pontos percentuais e o Windows XP caiu 0,06 pontos percentuais, tendo agora 3,6% de quota.

Os números oficiais da Microsoft, de novembro, apontam para 600 milhões de utilizadores do Windows 10 e esperava-se que o natal trouxesse muitos mais utilizadores, mas isso acabou por não acontecer, tendo o Windows 10 perdido o seu impulso. Esta passagem acontecerá, mas ainda demorará alguns meses.

Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Leave a Reply

%d bloggers like this: