Microsoft instala app sem permissão e utilizadores revoltam-se

Um dos grandes fantasmas do Windows 10 foi sempre a questão da privacidade. O volume de dados de telemetria armazenados pela Microsoft acabou por criar insatisfação e desconfiança junto de alguns utilizadores, que consideravam tais ações desnecessárias e abusivas por parte da Microsoft.

Apesar de ultimamente não termos tido muitas manifestações neste âmbito, com a última atualização cumulativa do Windows 10 foi instalada uma aplicação em certos dispositivos, de forma não consentida ou autorizada, que suscitou opiniões desagradadas por parte dos utilizadores.

A aplicação denomina-se “Suplementos Fotografias” e foi instalada em alguns dispositivos, automaticamente e sem autorização do utilizador, juntamente com a última atualização cumulativa do Windows 10, lançada no dia 10 de outubro.

Tal ação por parte da Microsoft acabou por desencadear algumas reações insatisfeitas que estão refletidas nos comentários à app na Loja de Aplicações do Windows.

Como podemos constatar, grande parte dos comentários remetem para um desagrado por a Microsoft ter instalado a aplicação sem autorização, considerando isso abusivo e desrespeitoso. A própria avaliação geral da aplicação reflete isso, tendo menos de 3 estrelas num máximo de 5.

anterior próxima

Quanto à aplicação, não se sabe muito acerca da sua função e utilidade. Não é uma aplicação típica como as outras, sendo esta um suplemento da aplicação Fotografias.

Ou seja, não consta na lista de aplicações instaladas, funcionará em simbiose com a aplicação principal de Fotografias do Windows 10. Para poder localizar a aplicação no seu smartphone Windows terá de aceder às Definições -> Aplicações -> Aplicações e funcionalidades -> Selecionar “Fotografias” e clicar em “Opções avançadas“. Neste menu poderá encontrar o suplemento instalado e acoplado à aplicação nativa de fotos do Windows 10.

Estas aplicações “suplemento” foram apresentadas na Build 2016 como sendo aplicação anexas a uma aplicação principal e que trariam novas capacidades e funcionalidades a essa mesma aplicação. Nas próximas semanas poderemos descobrir quais os efeitos que este suplemento trará à aplicação Fotografias nativa do Windows 10.

anterior próxima

Para além disso apenas sabemos que tem um tamanho de 161MB e que foi desenvolvida para funcionar em PC/tablet, smartphones, HoloLens e no Surface Hub.

Depois de todas as polémicas que se geraram aquando do lançamento do Windows 10, a privacidade ainda é um tema muito sensível quando associada a este sistema operativo.

Neste caso, não é expectável que a app seja abusiva em termos de privacidade; sendo um mero suplemento da aplicação Fotografias, parece algo inofensivo para o utilizador. Contudo, não teria ficado nada mal à Microsoft ter informado os utilizadores da instalação deste suplemento, evitava desta forma alguma desconfiança e revolta que se viu nas avaliações à aplicação.

Por Eduardo Mota para Pplware.com
Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: