Google vai apagar extensões do Chrome que mineram criptomedas

Com o destaque que as moedas virtuais têm tido nos últimos meses, muitos têm aproveitado para minerar estas moedas através de scripts em sites e de extensões em browsers como o Chrome.

Nem sempre os utilizadores têm conhecimento ou concordam com estas situações e por isso agora a Google resolveu remover da loja de extensões do Chrome todas as extensões que minerem criptomedas.

Recorrer a extensões e a outros mecanismos para minerar moedas virtuais no browser tem-se tornado muito lucrativo para os que escolhem este caminho. De forma encapotada e sem conhecimento dos utilizadores, vão conseguindo amealhar dinheiro virtual.

A Google permitia a presença de extensões do Chrome que fizessem esta mineração, exigindo apenas que os utilizadores fossem informados desta situação. A verdade é que, segundo a Google, 90% das extensões que continham esses scripts não cumpriam essas regras e foram rejeitadas ou removidas.

Para acabar com estas situações a Google resolveu mudar as suas regras e a partir de agora vai passar a não aceitar e rejeitar de forma tácita todas as extensões submetidas na Web Store do Chrome que tenham scripts de mineração de moedas virtuais.

Chrome criptomoedas

Toda as extensões presentes na loja e que tenham este tipo de scripts vão ser mantidas, mas em junho vão ser retiradas das listas públicas e posteriormente removidas. As extensões associadas a blockchain e que não sejam para mineração vão ser mantidas.

Para além de não terem o consentimento dos utilizadores, estas extensões estão a consumir de forma abusiva recursos dos equipamentos onde estão a ser executadas, deixando assim de estar disponíveis para a utilização que deveriam ter.

Esta é uma medida da Google que quer manter o seu browser livre de extensões abusivas e que são contra producentes para os utilizadores. Depois dos sites que mineravam de forma anónima, esta é uma garantia de proteção dos utilizadores que a Google tenta dar ao Chrome.

Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: