Cinco anos, cinco gadgets: a liderança de Tim Cook em produtos da Apple

O empresário norte-americano tomou a liderança da Apple em 2011 após a morte anunciada de Steve Jobs. Desde então, o sucesso financeiro da empresa é inquestionável, mas as quebras que têm sido registadas nas vendas são sinais de preocupação. Qual será o próximo coelho que Cook tirará da cartola?

Há cinco anos, Tim Cook tomava as rédeas de uma das maiores tecnológicas da atualidade. A morte anunciada de Steve Jobs precipitara a sua nomeação enquanto CEO mas o norte-americano não tinha dúvidas ao afirmar que "os dias mais brilhantes da Apple ainda estão por vir".

Certo ou não, a verdade é que o reportório de Cook já conta com cinco anos de liderança de Apple e, consequentemente, cinco anos de produtos questionavelmente inovadores, mas inquestionavelmente apaixonantes.

Deste leque, a maior vitória é facilmente identificável com a expansão da oferta no segmento dos smartphones, uma decisão que tem sido a grande responsável pelos resultados financeiros que a empresa tem apresentado desde 2011. Hoje em dia, as ações da empresa valem mais do dobro do valor de há cinco anos atrás (108 dólares contra 54 dólares) e foi com Tim Cook que registou a venda do bilionésimo iPhone.

No entanto, as vendas têm registado sucessivas quedas e os rumores pouco abonatórios que têm surgido em torno do novo iPhone representam alguns dos desafios que o CEO tem pela frente. No entanto, o mais entusiasmante, não tem confirmação oficial: o Apple Car.

Mas enquanto espera pelo próximo smartphone e pelo carro da Apple, fique com cinco dos gadgets que marcaram a "era Cook" na tecnológica de Cupertino.

Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: