Chegou o Peppermint 8, a distro que vai fazer o seu PC voar

Uma das distribuições Linux mais populares para máquinas com recursos mais limitados é o Peppermint OS. Em junho de 2016 foi lançado o Peppermint OS 7 e agora, passado quase um ano, a equipa de desenvolvimento disponibilizou a versão 8 que traz algumas novidades muito interessante interessantes.

O Peppermint OS é um sistema operativo que foi criado com o objectivo de suportar hardware mais antigo, dando uma nova vida às máquinas com hardware mais limitado.

Esta última versão é baseada no Ubuntu 16.04.2 LTS (Xenial Xerus), o que quer dizer que terá suporte durante cinco ano, vem com o kernel 4.8 e traz como ambiente gráfico de trabalho o LXDE. Além disto esta versão vem com a tack gráfica usada no Ubuntu 16.10 (Yakkety Yak) que inclui os pacotes X.Org Server 1.19 e Mesa 17.0.2.

O Peppermint OS 8 está disponível para sistemas com arquitectura a 32 bits e 64 bits (UEFI/ GPT/ Secure Boot) e integra as melhores ferramentas das actualidade no mundo open source:

  • Office
    • Document viewer, Gmail, Google Calendar, Google Drive
  • Internet
    • Chromium, Dropbox, BitTorrent client, Ice
  • Graphics
    • Editor by pixlr, Express by pixlr, image viewer, simple scan, screenshot
  • Multimedia
    • GNOME Mplayer 1.0.8 Media Player, Guayadeque Music Player
  • Accessories
    • Archive manager, calculator, file search, terminal, gedit text editor, printer manager, Bluetooth manager

O Peppermint 8 tem agora uma versão denominada de “OEM Install” que permite aos fabricantes vender PCs com este sistema operativo. Esta versão traz também algumas melhorias ao nível do layout do teclado podendo ser configurados alguns atalhos. Em termos de browser o Chromium voltou a ser o escolhido como browser principal da distribuição apesar de continuar a ser possível instalar o Firefox através da ferramenta Firefox Theme Lock.

Além disso o editor de texto Xed e o Xviewer image viewer substituem o Plume e o Gnome’s Eye respetivamente. O sistema tem agora também suporte para partições exFAT. Experimentem!

Download

SO: GNU/Linux
Tamanho: 1.2 GB
Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: