Apple, Samsung e Huawei, nunca se venderam tantos telemóveis Premium

Graças à Apple, à Samsung, Huawei e OnePlus, o mercado global de smartphones já apresenta sinais de recuperação. Em contraste com a tendência do mercado em 2018, nunca se venderam tantos telemóveis de topo!

Note-se que o mercado global de telemóveis inteligentes (smartphones) sofreu um forte revés durante todo o ano de 2018, encolhendo cerca de 2 a 3%. A tendência manteve-se até ao final do ano, de acordo com os dados da International Data Corporation (IDC).

Esta mesma agência de análise de mercado salienta também que o mercado voltará a crescer durante o ano de 2019. Nesse sentido, temos agora novos relatórios que sustentam esta previsão, referindo-se ainda a 2018.

A Apple, Samsung e Huawei seguraram o mercado em 2018

Mais concretamente, de acordo com relatório da Counterpoint Research, em 2018 o segmento premium cresceu cerca de 18% face ao ano de 2017. Graças à procura crescente por telemóveis de topo, o mercado não sofreu tanto como seria de esperar.

O relatório da Counterpoint é extremamente claro neste ponto. Os telemóveis que custam 400$ ou mais, registaram um crescimento de 18% na sua procura. Por outras palavras, nunca se venderam tantos telemóveis caros ou premium.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

O gráfico acima mostra-nos claramente a quebra na procura por telemóveis baratos, produtos que custem até 200$. Aqui em contraste com os produtos mais caros, de 400$ ou mais e, por fim, temos o balanço final do mercado, uma quebra de 3%.

Menos procura por telemóveis baratos, mais procura pelos mais caros

Este crescimento foi liderado pela Apple e pela Samsung. Juntas, estas fabricantes reuniram 73% de todas as vendas efetuadas neste segmento de preços (400$ ou mais). Por sua vez, a Huawei arrecadou 10% deste setor.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

Verdade seja dita, a Huawei foi a fabricante que mais cresceu dentro deste segmento premium. Face ao ano de 2017, a marca aumentou em 97% a procura pelos seus topos de gama, foi a que mais cresceu.

A Huawei foi a marca que mais cresceu em 2018

São resultados que refletem claramente a procura pelos telemóveis das gamas mais altas, os Huawei P20 e Mate 20. Ambas as linhas de produtos colocaram a Huawei no topo do mercado, valendo-lhe um impressionante crescimento.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

Agora, para melhor compreendermos a dimensões e facetas do mercado premium, teremos que o dividir em sub escalões de preço. Algo que é tido em conta pela Counterpoint, citando aqui o segmento entre os 400$ a 600$.

A OnePlus destacou-se neste segmento de preços

É precisamente aqui que se registou o maior volume de vendas de telemóveis e, também aqui, onde se destacou a OnePlus. A fabricante chinesa foi a que mais cresceu neste intervalo de preços, um sucesso que também atribuído ao seu crescimento na Índia.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

Em suma, para a Counterpoint a OnePlus tornou-se num sinónimo de telemóvel topo de gama, com um preço competitivo. A marca também se expandiu para os Estados Unidos da América e continua a crescer na Europa.

Esta fabricante apresentou dois modelos durante o ano de 2018. A saber, o OnePlus 6 durante o primeiro semestre e o OnePlus 6T em outubro último. Em 2019 a OnePlus lançará o seu OnePlus 7 durante o primeiro semestre.

Apple e Samsung, os telemóveis ultra premium

É aqui onde se concentra a maior margem de lucro para as OEMs, pertencendo este setor à Apple e à Samsung. Os dados desta agência são conclusivos, no segmento de 800$ ou mais, o domínio pertence à Apple.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

Com efeito, a tecnológica de Cupertino obteve 80% de todo este mercado ultra premium, com telemóveis de 800$ ou mais. Os restantes 20% foram divididos entre a Samsung, Huawei, entre outras fabricantes.

Os Samsung Galaxy Note9 e Huawei Mate 20 Pro

A Samsung colocou no mercado a geração Samsung Galaxy S9, bem como o Samsung Galaxy Note9, este último sendo o mais premium. Pouco depois, a Huawei também colocaria a sua nova gama Mate 20 no mercado.

Assim sendo, podemos também concluir que de todos os três segmentos do mercado premium (400$ a 600$; 600$ a 800$ e 800$ ou mais), foi este último o que mais cresceu durante o ano de 2018.

Samsung, Apple, Huawei, telemóveis, OnePlus

A agência refere que este segmento ultra premium surgiu em setembro de 2017 com o iPhone X da Apple e, nesse ano, totalizou apenas 8% de todo o segmento premium. Desde então, este nicho cresceu e já representa 48% de todo o segmento premium.

Este segmento continuará a crescer em 2019

Por fim, é previsto que este nicho de mercado continue a crescer durante todo o ano de 2019. Aqui graças ao advento dos telemóveis preparados para as redes 5G, bem como os dispositivos dobráveis.

Assim sendo, a conclusão é simples. Nunca quisemos tanto um telemóvel caro e isto é apenas o começo.

O futuro dos smartphones? Para a Samsung é o smartphone dobrável

Pplware

Por Rui Bacelar para Pplware.com

O mais recente autor do Pplware

Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

%d bloggers like this: