620 milhões de passwords e contas de 16 sites divulgadas na Internet!

Foram divulgadas na Internet cerca de 620 milhões de contas que pertencem a um total de 16 sites e estavam à venda na dark web. Veja já se tinha uma conta de utilizador em qualquer um dos sites listados abaixo. Felizmente, já pode ver se a sua conta e password foram afetadas neste novo ataque perpetrado na Internet.

Se tiver, já sabe o que fazer. Mude imediatamente as suas credenciais, começando pela password ou palavra-passe. Após o ataque perpetrado em janeiro, recordamos ainda o caso dos 500 milhões de e-emails e passwords da Yahoo. A prova de que nunca sabemos quando, ou de onde vem a próxima ameaça online.

O novo caso rivaliza, em escala, com o de janeiro passado. Agora, num total de 620 milhões de entradas, com nomes de conta (utilizador), passwords e emails associados. Todos estes dados foram colocados à venda em vários pontos da dark web, tal como nota o TheRegister.

Tem conta em algum destes sites? Mude já a sua password!

As bases de dados de 16 sites podiam ser compradas e consultadas por quem estivesse disposto a pagar. O preço rondava os 20 mil Dólares, cerca de 17 mil Euros em Bitcoin. O local? O Dream Market, acessível através da rede e navegador Tor.

Em seguida poderá inteirar-se da lista de sites afetados no mais recente ataque:

  • Dubsmash (162 milhões)
  • MyFitnessPal (151 milhões)
  • MyHeritage (92 milhões)
  • ShareThis (41 milhões)
  • HauteLook (28 milhões)
  • Animoto (25 milhões)
  • EyeEm (22 milhões)
  • 8fit (20 milhões)
  • Whitepages (18 milhões)
  • Fotolog (16 milhões)
  • 500px (15 milhões)
  • Armor Games (11 milhões)
  • BookMate (8 milhões)
  • CoffeeMeetsBagel (6 milhões)
  • Artsy (1 milhão)
  • DataCamp (700 mil)

A publicação alerta ainda que uma grande parte das passwords visadas neste ataque estão protegidas com um simples algoritmo MD5. Por conseguinte, será simples contornar esta débil medida de segurança e, por outras palavras, se tiver uma conta em algum dos sites acima enumerados, mude-a!

 sites conta Internet password ataque site iSunshare Windows Password Genius - imagem: freepik

Um após o outro, os vários sites citados acima estão a alertar os seus utilizadores. Ainda assim, alguns sites desconheciam por completo o ataque em curso e o resultado foi a exposição dos dados dos utilizadores pela Internet. Tudo isto, claro, sem estes se apercebessem.

Aliás, de acordo com a fonte, esta ataque foi perpetrado durante um período não especificado de tempo, não sendo, de qualquer forma, uma investida pontual. Por outras palavras, estas contas já estavam à venda durante algum tempo.

Infelizmente, só agora é que o caso foi devidamente exposto e as suas repercussões começam a ser sentidas.

Como posso saber se a minha conta foi afetada neste ataque?

Caso tema pela segurança da sua conta e queira saber se os seus dados foram afetados pelo novo ataque, então já há uma boa forma de o fazer. Trata-se de um simples método de verificação da integridade do seu email e password não sendo, contudo, um meio infalível.

ataque password internet site conta sites

Para tal basta aceder ao seu site Have I been Pwned. Aí poderá apurar se os seus valiosos dados constam, ou não, do mais recente ataque perpetrado na Internet. Assim, saberá se tem que mudar a password ou outros dados de conta como medida de emergência, ou sábia precaução.

Quem são os principais interessados nestas contas?

Os principais compradores de todas estas informações publicadas na internet foram descritos como spammers bem como outras entidades interessadas na compilação de contas e respetivas passwords. Os seus motivos variam, mas as suas intenções são invariavelmente ilícitas.

O acumular de várias credenciais permite-lhes fazer o login ou entrar em vários sites que aquele utilizador possa frequentar. Note-se que, por norma, um mesmo utilizador define a mesma password para vários sites ou serviços. Uma verdade bem conhecida por estas mentes mal intencionadas.

Assim, imaginando que um pirata informático compra algumas das credenciais Fotolog, visado neste último ataque. Aí encontrará uma password protegida por um algoritmo já obsoleto, algo que ele contornará facilmente. Em seguida, encontrando o email correspondente, bastará que tente diferentes serviços com esse mesmo email e password. Mais ainda, nada o impede de repetir o processo quantas vezes for necessário.

Em suma, rogamos-lhe que não utilize uma password similar à da seguinte lista:

TOP 25 – Passwords mais usadas em 2017

Rui Bacelar

O gosto pela escrita e comunicação despontou cedo, entretanto, encontrou na tecnologia o tema perfeito e no Pplware a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo. Em leis formado, tem na leitura e aquariofilia o seu hobby, para além do ouvido exigente no que à música erudita diz respeito.
Ler Artigo Original

Share

Também pode gostar de...

%d bloggers like this: